Fiscais da prefeitura chegam na Bienal para fiscalizar ‚Äúconte√ļdos impr√≥prios‚ÄĚ

A prefeitura do Rio de Janeiro realiza uma vistoria na¬†Bienal do Livro do Rio de Janeiro¬†em busca de¬†“material impr√≥prio”. Segundo alguns lojistas, a equipe procurando livros e HQs com conte√ļdos¬†“er√≥ticos”¬†e¬†“homossexuais”:

Em entrevista ao O GloboWolney Dias, subsecret√°rio operacional da Secretaria Municipal de Ordem P√ļblica, afirmou que se trata de uma vistoria “em busca de material pornogr√°fico” e que a “a prefeitura tem poder de pol√≠cia para isso”.

A a√ß√£o acontece ap√≥s o prefeito da cidade,¬†Marcelo Crivella,¬†publicar¬†um v√≠deo em suas redes sociais¬†dizendo que solicitou o recolhimento da HQ¬†Vingadores: A Cruzada das Crian√ßas¬†para que ela fosse lacrada, com um aviso de¬†“conte√ļdo impr√≥prio”¬†para crian√ßas.¬†Escrita por Allan Heinberg e¬†publicado originalmente em 2010, o quadrinho tem como personagens centrais o casal abertamente homossexual¬†Wiccano¬†e¬†Hulkling, que aparece abra√ßado e dividindo a mesma cama em algumas p√°ginas.

Ap√≥s a a√ß√£o da prefeitura, editoras como a¬†Companhia das Letras¬†e¬†Galera Record¬†se manifestaram contra o ato. De acordo com a segunda, a Secretaria de Educa√ß√£o passou pelo estande exigindo que conte√ļdos¬†LGBTQA+ fossem sinalizados como impr√≥rios:

Ver essa foto no Instagram

Recebemos um aviso no nosso estande na Bienal de que haveria uma fiscaliza√ß√£o da Secretaria de Ordem P√ļblica do Rio de Janeiro exigindo que todos os livros com conte√ļdo LGBTQS fossem lacrados e sinalizados como livros com conte√ļdo impr√≥prio para menores de 18 anos. A Galera Record repudia qualquer tipo de censura e reitera a import√Ęncia da representatividade na literatura jovem como forma de combate ao preconceito. Homofobia √© crime e acreditamos que o papel do estado √© incentivar a leitura e n√£o criar barreiras que marginalizem uma parcela da popula√ß√£o que j√° sofre com a intoler√Ęncia. Nossos livros est√£o √† venda no estande e em todas as livrarias brasileiras, online e f√≠sicas. Vamos continuar lutando para que todos os jovens se vejam representados em nossas hist√≥rias. 🏳️‍🌈

Uma publicação compartilhada por Galera Record (@galerarecord) em

O recolhimento foi anunciado ap√≥s discurso do vereador Alexandre Isquierdo (DEM) na C√Ęmara Municipal do Rio, na √ļltima quarta (4), em que o pol√≠tico ataca a publica√ß√£o como uma “covardia” √†s crian√ßas e chama os colegas de C√Ęmara a assinarem uma carta de rep√ļdio contra MarvelPanini e Salvat, todas respons√°veis pela publica√ß√£o da revista em diferentes momentos.

Em comunicado oficial, a Bienal do Rio reafirmou a pluralidade do evento e refor√ßou o direito dos consumidores de trocarem livros cujos conte√ļdos n√£o agradem – leia o comunicado abaixo:

A Bienal Internacional do Livro Rio, consagrada como o maior evento liter√°rio do pa√≠s, d√° voz a todos os p√ļblicos, sem distin√ß√£o, como uma democracia deve ser. Este √© um festival plural, onde todos s√£o bem-vindos e est√£o representados. Inclusive, no pr√≥ximo fim de semana, a Bienal do Livro ter√° tr√™s pain√©is para debater a literatura Trans e LGBTQA+.

A direção do festival entende que, caso um visitante adquira uma obra que não o agrade, ele tem todo o direito de solicitar a troca do produto, como prevê o Código de Defesa do Consumidor.

A organiza√ß√£o da Bienal ainda divulgou a programa√ß√£o de tr√™s pain√©is voltados para a literatura LGBTQA+. No Caf√© Liter√°rio, com participa√ß√£o Jo√£o Silv√©rio Trevisan (Companhia das Letras), Jaqueline Gomes de Jesus (Metanoia) e Tobias Carvalho (Record), acontecer√° a mesa “Diversidade, substantivo plural“, √†s 17h do dia 7 de setembro.

Tamb√©m no dia 7, √†s 11h, o debate “Feminismo x Machismo” acontecer√° com o¬†youtuber¬†Spartakus Santiago,¬†Mel Duarte¬†e¬†Ellora, tendo¬†Claudia Sardinha¬†como mediadora. √Äs 19h, a mesa “Literatura Arco-√ćris” ser√° mediada pelo autor e cineasta¬†Felipe Cabral¬†e contar√° com¬†Lucas Rocha,¬†Vitor Martins,¬†Igor Pires,¬†Thati Machado, Vinicius Grossos¬†e¬†Pedro HMC. A √ļltima mesa da¬†Arena #SemFiltro¬†da Bienal acontece √†s 19h do dia 8 de setembro. Felipe Cabral mediar√° a conversa “Literatura Trans“, que contar√° com¬†La√≠sa Marilac,¬†Nana Queiroz,¬†Tarso Brant,¬†Natalia Travassos¬†e¬†Amora Moira.




Marcado: , ,