Durante o mês, será realizada uma programação informativa sobre formas de prevenção e a importância dos autoexames regulares

Foto: Divulgação/PMCC

Na tarde de domingo (1º), Capão da Canoa deu início à programação do Outubro Rosa, mês tem como objetivo estimular a participação da população no controle do câncer de mama, com a carreata rosa. A abertura oficial aconteceu no estacionamento da Prefeitura de Capão da Canoa, que é a realizadora da programação, em parceria com a Confraria do Sapatinho Rosa e da Associação Comercial e Industrial de Capão da Canoa (ACICC).

O Outubro Rosa é um movimento mundial de luta contra o câncer de mama. Ele visa informar sobre formas de prevenção e a importância dos autoexames regulares. O câncer de mama é uma doença que toda mulher (e até os homens) está sujeita a ter, mas se descoberta logo no inicio, o tratamento pode ser bem menos invasivo e traumático.

O Prefeito de Capão da Canoa, Amauri Magnus Germano, muitas pacientes, por medo ou desconhecimento, preferem não falar no assunto e acabam atrasando o diagnóstico. “Temos que falar muito sobre isso, pois o câncer de mama apresenta sintomas e sinais em seu estágio inicial e, se descobertos cedo, podem ser tratados a tempo”, diz.

Para a Presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher e integrante da comissão organizadora do Outubro Rosa em Capão da Canoa, Lidiane Wenclevski, a colaboração da Prefeitura colaborou muito para a realização das atividades. “Conseguimos montar uma programação mensal muito qualificada, com a qual pretendemos ajudar as mulheres da nossa cidade”, afirma.

O movimento Outubro Rosa surgiu em 1990, na primeira Corrida pela Cura, realizada em Nova York, e desde então, vem sendo promovida anualmente em todo o mundo. O nome remete à cor do laço rosa que simboliza, mundialmente, a luta contra o câncer de mama e estimula a participação da população, empresas e entidades.

Isso vai fechar em 0 segundos